Nome Popular: Fragônia

Outros nomes: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Nome científico: Agonis fragrans

Nomes botânicos: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Nome farmacêutico: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Família: Myrtaceae

Partes usadas: óleo essencial das folhas, ramos  e caule.

Sabor: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Constituintes químicos: 1,8-Cineol, alpha-Pinene, Linalool, alpha-Terpineol, Terpinene-4-ol, monoterpenos e óxidos.

Propriedades medicinais:  freqüencial,  bacteriano, micótico, descongestionante, antiinflamatório, imunoestimulante, antimicrobial, antifúngico, analgésico,

Indicações (Uso interno): não deve seu utilizada internamente.

Indicações (Uso externo): óleo essencial – equilíbrio emocional e energético, atua no sistema respiratório como descongestionante, influencia o ciclo mesntrual feminino agindo na menopausa e na tpm, melhora do sistema imunológico, alivio dos sintomas de Jet lag e regulagem do relógio corporal em caso de viagens, sinusitis, seu efeito atinge as glândulas pituitárias, pineal e o hipotálamo,  ajuda a regular os ciclos de sono, promove a homeostase,

Indicações pediátricas: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Utilizações na MTC: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Elemento predominante na MTC: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Classificação da Erva na MTC: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Atuação nos canais: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Ayurveda (Ação nos doshas): não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Rasa: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Virya: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Vipaka: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Informações em outros sistemas de saúde: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Aromaterapia: como óleo essencial esta planta pode ser considerada, do ponto de vista orgânico, como próxima da  Melaleuca alternifolia, no contexto da patologia infecciosa e, principalmente, bacteriana e micótica. A Fragonia™ possui em especial uma ação de harmonização no plano da sexualidade feminina, é por isso que considera-se como a gasolina feminina de Gaia. Sempre que bloqueios se instalaram na expressão da feminildade, Fragonia™ constitui um oleo essencial de primeira escolha, sobretudo nas massagens e na olfação. A utilização de Fragonia™ antes de adormecer, provou ter também, uma influência determinante ao suscitar sonhos significativos, sonhos que permitiram reparar certos conflitos e proporcionar um estado de paz e de liberação. O oleo de Fragônia promote dissolver elementos corrompidos ou desarmônicos de todo o corpo energético. O oleo induz ao restabelecimento das frequencias naturais do corpo humano em seu campo energético e físico. Sua atuação tende a ser mais efetiva no nível dos chakra sacro e terceiro olho, seguidos do coroa. Ajuda a dispersar os resíduos das emoções tóxicas do organismo, liberando antigos bloqueios e permitindo que pensamentos negativos sejam substuídos por outros mais positivos. É uma fragrância de nota média. Não deve ser feito uso interno. Seu óleo essencial é extraído por destilação a vapor.

Floral: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Homeopatia: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Contra-indicações: não deve ser feito uso interno do óleo essencial.

Interações medicamentosas: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Uso Veterinário: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Doses: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Formulações: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Formulações populares: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Planeta regente: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Indicações energéticas ou mágicas: considera-se que a Fragonia é capaz de transferir para o organismo em sofrimento, uma estrutura harmônica vibratoria e é esta vibração que engendra o trabalho de busca de um caminho de cura. O óleo essencial é utilizado para limpeza da casa e da aura.

Habitat: planta oriunda da Austrália.

Informações clínicas e/ou científicas: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Descrição botânica: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Toxicidade: não há relatos nas fontes de pesquisa consultadas.

Cultivo: planta selvagem.

Observações: O nome Fragônia é uma marca registrada.

Fontes de pesquisa:

http://www.plantamed.com.br/ • https://www.facebook.com/Medicinaraizeira/posts/659436627460446 • http://valeriatrigueiro.com.br/aromaterapia/e-com-voces-fragonia/comment-page-1#comment-1140 • http://www.oshadhi.co.uk/fragonia-agonis-fragrans/ • http://www.stillpointaromatics.com/fragonia-essential-oil-aromatherapy •

Colaboradores: RODRIGO SILVEIRA – Fitoterapeuta e Professor, criador do ERVANARIUM: http://www.ervanarium.com.br/profissional/8/rodrigo-silveira. LUCIANA OLIVEIRA – Bióloga formada pela UFRGS, Artista Floral e Fitoterapeuta formada pelo ERVANARIUM: http://www.ervanarium.com.br/profissional/11/luciana-oliveira.